Série: Eu Vivo Missões

Jacobina, Jacobina… quem diria que um dia iria conhecer essa cidade e viver dias indescritíveis?!

Quando entrei no Eu Escolhi Agir jamais imaginaria que tais coisas pudessem acontecer na minha vida. A foto não é da minha primeira missão e muito menos da história que vou contar, mas também faz parte do acervo de dias que marcaram a minha vida nesse lugar.

Em Outubro eu tive a oportunidade de viver mais uma missão, em mais um final de semana… aonde? Hein, hein? Em Jacobina… Chega nunca! Dessa vez o coordenador da missão era o Thiago Diogo e eu era líder da missão, me preparei durante a semana, busquei orientação do Espírito Santo e me dediquei ao meu crescimento para estar na postura durante a missão. Na sexta feira estava indo para Jacobina, tudo tranquilo e normal, mas assim que coloquei os pés na cidade eu estava literalmente sem voz, acredite… ninguém conseguia entender o que eu falava a não ser que se aproximasse e ficasse pertinho de mim, quase uma leitura labial.

A missão foi acontecendo e tentaram de tudo para que eu ficasse boa, quase fui cobaia de experimentos para novos medicamentos, mas sempre soube que Deus tinha o controle de todas as coisas e a minha oração era pra que no momento em que precisasse falar a minha voz estivesse em perfeito estado de maneira que todos compreendessem o que tinha a falar.

No sábado a noite realizamos o último meia noite na prisão daquela estação missionária, eu estava feliz com os resultados, mas mal sabia o que me aguardava. Quando estávamos retornando o Thiago Diogo deu uma ordem clara e absoluta “Na volta não para pra falar com ninguém, vamos seguir direto para igreja”, em quase silêncio, fomos todos seguindo para igreja… quando chegamos na ponte que liga a rua em que estávamos a rua da igreja, uma mulher começou a gritar e pedir por ajuda, tentando agarrar um dos adolescentes que estavam conosco, todos continuaram concentrados em seguir a ordem e não parar.

De repente a mulher grita: “Socorro, pelo amor de Deus”. Imediatamente o Thiago para e pede para que todo mundo pare e faça um circulo em volta dela, o Nei Mário, líder da igreja que nos hospedava nessa situação começou a orar por aquela mulher, ela estava angustiada, chorava e gritava muito. Como estava sem voz, eu quase que sussurrei: “Ela precisa só de um abraço, não de muita coisa” (não que oração seja pouca coisa); o Thiago acho que imediatamente respondeu: “vá lá e abrace ela”. Cara foi indescritível aquele momento, aquela mulher começou a chorar e falar da filha, ela me abraçava e falava tudo que lhe tinha acontecido e eu apenas fui lhe falando que aquele abraço era a demonstração do amor de Deus para com ela, que Deus não havia esquecido dela e de tudo que ela tinha passado… dizem que quando comecei a falar a minha voz voltou e todo me compreenderam perfeitamente.

Lembra da minha oração?! “Que quando eu tiver que falar todos compreendam o que tenho que falar” Deus é Deus e sempre continuará sendo Deus, todos nós precisávamos viver aquela situação, entender que Deus tem que estar em primeiro lugar nas nossas vidas, que enquanto reclamamos da família que temos ou do ‘não’ que recebemos, existem pessoas que perderam de forma dolorosa os mais próximos e se sentem sozinhos, sem ninguém para lhes dizer não. Talvez para você tenha sido mais uma história contada por alguém, mas para mim, ao lembrar dessa história sinto o meu animo e as minhas forças se renovarem para continuar vivendo missões. Um dia ele entregou a vida dEle por amor a mim e tudo que eu faça jamais pagará por isso, mas o mínimo que posso fazer é cumprir a sua principal ordenança… “Pregar a sua palavra, o seu amor, a toda a terra” e compartilhar o amor que todos os dias Ele demonstra por mim. OBS.: Teremos algumas postagens com as minhas experiências em missões, então fiquem ligadinhos e acompanhem, cada missão uma nova lição recheada de emoção.

 Beijinhos Lila

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s